Fatinha

Inferno astral

In humor on 20/05/2013 at 10:16 AM

Querido Brógui,

Hoje não vou me movimentar. Não saio aqui do meu cantinho nem por um decreto. Nem amarrada. Preguiça?

Sacou? Assim como o Cebolinha, custei a acreditar, mas é real. O inferno astral existe, e, ainda bem, o meu foi de apenas dez dias – dizem que dura todo o mês que antecede o aniversário. Um mês dando tudo errado, sem condições.

Não acredita? Vamos ao rol das desgraceiras:

Fui sair pra levar o Joaquim para tomar banho – Joaquim, meu carro novo. Pneu furado. Pior que levar carro no lava à jato sábado de manhã, é parar no borracheiro sábado de manhã. Obviamente eu não sei trocar pneu e, mesmo que soubesse, não ia arriscar minhas unhas nessa tarefa sem glamour. O ajudante do borracheiro foi lá em casa, trocou o pneu, fomos até aloja, ele me prometeu que voltaria depois pra lavar o Juquinha – coisa que não aconteceu.

Retoque de raiz dos cabelos. Tinta na cabeça, cadê a água no salão pra enxaguar? Faltou. Meu pobre cabelinho foi lavado na base da cuia, com água mineral do bebedouro do salão. Além de ficar mal lavado, duro, ainda fui perceber em casa que estava todo manchado.

Médico para fazer a revisão da cirurgia. Havia pedido para chegar mais tarde ao trabalho, o médico não apareceu. Tava dodói. Cheguei atrasada no trabalho à toa.

Bloquinho provisório. Lembra que estou tendo que aumentar meus molares para aumentá-los? Pois então. Bloquinho caiu. Suicídio, nada fiz para ele pular da boca daquele jeito. Amanheci, sábado, na cadeira da dentista – uma santa que se condoeu da minha pessoa.

Irmão com crise renal – ele deixa pra passar mal lá em casa, é sempre assim! Lembra do Natal no hospital?

Ralei meu sapato novinho na parede, quebrei a unha fechando o zíper da calça, meu cordãozinho de ouro que carrega minha medalhinha quebrou sozinho e quase foi parar dentro do vaso sanitário – São Jorge foi salvo por uma manobra radical que me custou um jeito na lombar.

Ralo do banheiro entupido, vestidinho manchado de maquiagem logo de manhã.

Diga lá: você acha que eu vou arriscar mais algum movimento até amanhã?

PS: No meio disso tudo, Família Trololó passando o final de semana em casa, Magrelinho da Titia todo-todo lendo suas primeiras palavrinhas, amigos-de-fé-irmãos-camaradas me abraçando. Não tem inferno astral que consiga me fazer infeliz.

Anúncios
  1. E a gripe na semana seguinte? Não foi aí…

    Curtir

  2. Amiguinha.
    Tente estudar algo sobre misticismo. Esse inferno astral, dura mais uns dois ou cinco dias APÓS a data do seu niver, pois tem umas horinhas que não são computadas pelo nosso ano civil. Deve estar acabando esta semana! Bom, não? Agora, você inicia um novo ciclo, só de ALEGRIAS!
    Beijo.

    Curtir

  3. Ano que vem, vê se comemora em um dia que eu possa ir! Já soube que foi legal. Beijos.

    Curtir

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: