Fatinha

Visitando um site de relacionamentos

In humor on 30/01/2009 at 8:38 AM

            Querido Brógui

 

            Então, uma amiga me convenceu a tentar achar um namorado pela Internet, argumentando que o meu Príncipe Encantado não vai bater à minha porta, nem cair no meu colo. Disse que eu tenho que me render à modernidade e blá blá blá. Ok, apesar de seriíssimas restrições a esse tipo de busca, entrei num site de relacionamentos, preenchi um cadastro chatíssimo e tenho recebido algumas “combinações”. “Combinação” é o termo usado para indicar que aquelas figuras tem alguma coisa a ver com a figura que vos fala. Aí, vem o perfil do cidadão, a maioria com fotos, um pequeno texto introdutório escrito pelo próprio e depois uma lista de coisas acerca do tal, como religião, se fuma, se pratica esportes, sua escolaridade e por aí vai.

            Fui dar uma espiada naqueles que o site de relacionamentos acha que são meus possíveis futuros namorados. Como vieram montanhas de indicações e eu não tive o menor saco pra ficar olhando uma por uma, comecei uma pré-seleção pela foto. Tem cada uma de rolar de rir. Manja o cara fazendo pose sexy, no banheiro de um lugar que penso ser uma academia de ginástica (ou será uma sauna gay?), com direito a beicinho e tudo? Outro estava com uma camiseta escrito “Bloco Carnavalesco Viagra”. Olha bem pra minha cara e vê lá se eu vou sair com um cara que tira foto de si mesmo no espelho de uma… vá lá… academia e ainda faz beicinho? Ou com um que tem a cara de pau de se orgulhar de sair num bloco com esse nome? E eu nem gosto de carnaval, diga-se de passagem. Tô fora.

Passado pelo crivo da foto, dei uma segunda peneirada: a cidade em que a criatura se esconde. Nada pessoal, mas não há a menor possibilidade de eu namorar um cara que mora a duas horas e meia da minha casa, isso se não tiver engarrafamento. Então, perdão aos moradores de Nilópolis e adjacências. Tô fora.

            Na terceira peneirada, vou ao texto da autoria do boneco. Vou dar uma pequena amostra:

Estou cançado de mulheres que não sabe o que realmente querem.” Esse aí, coitado, conseguiu cometer dois erros de português em uma única frase. Nem continuei a ler o resto. Cancei. Tô fora.

“Acredito na força interior que potensialisa as pessoas.” Bem, ao menos colocou o plural, embora tenha escorregado duas vezes na mesma palavra, o que potensialisou o erro. Tô fora.

“Procuro uma mulher sincéra.” Eu, sinceramente, procuro um homem alfabetizado. Tô fora.

“Sou uma pessoa muito tímido, porém quando faço amizade me sinto avontade pra falar o que eu penso.” Ficou tão avontade que errou na concordância e me deixou profundamente constrangida.

Na boa? Acho que prefiro esperar meu Príncipe cair do céu. E de preferência com uma gramática debaixo do braço.

 

 

Anúncios
  1. Querido André
    Fazer conta? Como assim? Meus parcos conhecimentos não atingem tal grau de profundidade. rs rs rs

    Curtir

  2. Engano, grande engano !!!!
    Não procurei a Adriana,simplesmente aconteceu. Aliás até fugi bastante, face ao fato domestico que tal relação obrigava.
    A surpresa foi muito grande, aliás enorme. Se fosse prá fazer a sangue frio, ela seria a ultima mulher do mundo com quem eu casaria. Nunca vai passar pela sua cabeça casar com a menina que foi daminha do casamento da sua irmã. Irmã essa que só tem 1 ano e meio a menos que vc e casou com 25. Fez a conta?
    Bjs

    Curtir

  3. Querida Gabi,
    Amei você ter me lido e enviado esse comentário. Concordo em gênero, número e grau com você. Acredito mesmo que meu Príncipe virá travestido de sapo. Vou catar nos meus arquivos uma edição antiga do Querido Diário na qual eu falo sobre isso e colocar aqui, em sua homenagem. Quanto à questão gramatical, a Querida Verônicah já me deu esse toque e eu dei as devidas justificativas para tal exigência de minha parte. Dê uma olhadinha minha resposta ao comentário dela, acho que vai lhe agradar. Bjs

    Curtir

  4. Amiga
    Vc sabe concordo com genero, numero e grau. Esta dificil, pois o povo ainda esta na epoca do Batman e Robin…

    Curtir

  5. Bem, eu tenho um primo, por sinal formado e trabalhando em uma ONG internacional, que já casou duas vezes e namorou outras tantas, todas com mulheres que ele conheceu na internet. Talvez o problema esteja na escolha do site. Mas a verdade, a verdadeira, é se homem já é mercadoria em extinção, encantado então…. Mas, quem sabe beijando o sapo, a surpresa é boa. Afinal, as qualidades de um homem pode estar ….. longe da gramática.

    Curtir

  6. Querido André
    O destino foi agradavelmente generoso com você, já que a mulher com quem se casou é bonita, inteligente, tem uma profissão que lhe garante uma graninha razoável e ainda lhe brindou com duas meninas lindas.Mas, cá pra nós, sua história não vale como exemplo. Adriana é sua prima, você nem teve que procurar tanto assim e muito menos teve o elemento surpresa. rs rs rs

    Curtir

  7. Queridos Bruce e Diana
    Sua resposta foi ótima, embora tenha me deixado à beira da depressão. rs rs rs Vamos então fazer o seguinte: retirar dos pré-requisitos a boniteza, conservar a inteligência e uma certa dose de erudição e exigir apenas que o candidato não envie fotos cafonas que ressaltam o que há de pior nele. Será que assim minhas perspectivas melhoram?

    Curtir

  8. De início pensei: “surtou e se rendeu as obrigatoriedades sociais”. Obrigo-me a lembrar-lhe que estas continuarão. Caso vc consiga se enrolar com alguem ali vão lhe perguntar: “e os filhos, quando vem?”
    Concordo que a exposição ajuda a novos relacionamentos, mas acredito que estes, sejam de que tipo forem, acontecem de forma natural.
    Acredito em destino tb, por mais racional e sistemático, como todo sagitariano, que eu seja. Aliás esta é uma das partes legais, ser pego de surpresa.
    Bjs

    Curtir

  9. Concordo, não dá para fazer par com um imbecil ignorante analfabeto!

    Continue sua procura mas não vai ser muito fácil pois os belos, cultos, que moram em centros urbanos e estão livres e desimpedidos, provavelmente são gays…
    Bruce

    Curtir

  10. Querida Verônicah,
    Pequenos erros são aceitáveis, concordo plenamente com você, mas a questão não é essa exatamente. Quando a pessoa escreve muito mal, denota falta de leitura e falta de leitura denota pouca erudição, falta de assunto, repertório pobre e, embora correndo o risco de parecer pretensiosa, confesso: não consigo namorar um cara que não vai conseguir entender o que estou dizendo, que vai me obrigar a explicar cada vírgula do meu pensamento. Acredite. Já tentei. Não dá. Tô fora. Mas, vou confiar na sua dica e continuar a procurar o meu Príncipe. Bjs

    Curtir

  11. Sempre me sinto AVONTADE p/comentar aqui!!! Ñ espere seu Principe cair do céu, vc vai ficar CANÇADA de esperar. Seja SINCÉRA: vc ñ gostou de nenhum??? O amor POTENSIALISA as pessoas a aceitarem “pequenos” erros gramaticais!!!!! Quero ver como será agora com o novo acordo gramatical!!!
    Bjsss!!!

    Curtir

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: