Fatinha

Archive for 9 de agosto de 2009|Daily archive page

E o pau comeu na casa de Noca II, a missão

In humor on 09/08/2009 at 10:27 AM

Querido Brógui,

 Você está acompanhando o babado que está rolando no Senado? Não? Então vou resumir: primeiro noticiaram o escândalo dos tais atos secretos. Depois, veio à baila o envolvimento da dinastia Sarney. Depois fritaram o tal do assessor que assinou as contratações pra ver se davam um cala-a-boca na imprensa. Depois, o nosso Presidente defendeu o chefe da dinastia, depois posou agarradinho com o Collor. Depois surgiram novas acusações, agora contra outros distintos membros da distinta Casa. Depois, o caldo entornou de vez e quem estava apoiando os seus pares, botando panos quentes, começou a roer a corda, a começar pelo Excelentíssimo Nove Dedos (que nem sabia que o Sarney era Senador pelo Amapá). Refrescou a memória?

O mais recente evento foi o arranca-rabo entre o Renan e o Jereissati, sob o olhar abestado do Presidente do Senado, que por acaso também é chefe da dinastia, que disse que daqui não saio, daqui ninguém me tira. A baixaria foi tão baixaria que eles esqueceram até daquela célebre hipocrisia de se dirigir um ao outro por “Vossa Excelência”, foi “você” mesmo, com dedo sujo na cara e tudo.

E assim, as alianças oscilam de acordo com as conveniências pessoais. Lula, que odiava Sarney, que odiava Collor, que odiava Renan, agora odeiam apenas a perspectiva de perder a bocada. Agora, é cobra comendo cobra. Salve-se quem puder. Farinha pouca, meu pirão primeiro.

Aí, disseram para mim que a gente tinha que dar um jeito de tirar esses caras de lá. Eu discordo veementemente. Se tirarem de lá, eles voltam. E rápido. A solução definitiva é exatamente não tirá-los de lá. É deixá-los lá, trancar a porta e depois de um ou dois dias entrar pra catar os corpos e mandar cremar, rezando para eles não ressurgirem das cinzas, qual Fênix.

Não captou a minha ideia? Então, acompanhe. Conhece aquele livro chamando O Caso dos Exploradores de Cavernas? Não? Recomendo. O autor? Lon Fuller. Se tiver com muita preguiça ou com falta de grana, na Internet tem uns resuminhos. Para você não ficar boiando, o caso é mais ou menos assim: os sobreviventes de um deslizamento que obstaculiza a entrada de uma caverna optam pelo sacrifício de um deles para que os demais se alimentem de sua carne enquanto aguardam o resgate.

Onde eu quero chegar com isso? A história dos exploradores questiona a moral e a lei em contraponto com a necessidade de sobrevivência. Os exploradores demoraram mais de vinte dias para tomar essa decisão dramática. Não sei se nossos Senadores precisariam de tanto tempo. Se considerarmos que Moral e Lei são matérias das quais desconhecem o significado e, por outro lado, de sobrevivência eles entendem um bocado, acho que um ou dois dias seriam suficientes para eles darem cabo uns dos outros.  Seria a única vez em que eles agiriam a bem do país, mesmo sem querer.

Que tal? Sou ou não sou maquiavélica?

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: